5 fatos sobre a depressão que ninguém te contou

Tempo de leitura: 3 minutos

A depressão não é apenas um estado passageiro. Quem sofre com esse mal não pode simplesmente ficar bem. Ela é uma doença e precisa de tratamento adequado. Conheça 5 fatos sobre a depressão que ninguém te contou e enfrente esse inimigo.

Saber mais sobre uma dificuldade ajuda a descobrir as melhores formas para superar. Entenda melhor como essa enfermidade age.

1- Depressão não é o mesmo que estar triste

Todas as pessoas passam por momentos de tristeza em alguma fase da vida. É normal chorar, sofrer e ficar isolado em um período de luto. Porém, depois é comum superar e seguir em frente.

A diferença é aqueles que têm depressão não superam esses eventos. Isso não ocorre porque elas não querem melhorar, pelo contrário.  Ela apresenta sintomas físicos e psicológicos. Logo, a depressão precisa ser tratada como qualquer enfermidade física.

2- Mulheres sofrem mais com depressão

As mulheres estão mais sujeitas à depressão do que os homens. A explicação mais provável para isso é que o público feminino passa por mais alterações hormonais. Entre elas estão a TPM, a gravidez e a menopausa.

Inclusive, uma pesquisa da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) aponta que 1 a cada 4 mulheres sofrem com depressão pós-parto. O estudo foi realizado com 23.896 mães entre 6 a 18 meses depois do parto.

3- A depressão afeta milhões de pessoas

Pensar que a depressão apenas acontece com uma classe social ou nunca chegará até sua família é um erro. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde) essa doença atinge 322 milhões de pessoas em todo o mundo.

Além disso, esse é um mal crescente. Entre 2005 e 2015 o número de pessoas atingidas aumentou em 18,4%. Ou seja, mais de 5% da população mundial sofre com crises depressivas. No Brasil a taxa está em 5,8%, o que equivale a 11,5 milhões de brasileiros.

4- Pais depressivos podem ter filhos com a doença

O histórico familiar pode ser uma grande influência na origem da depressão. Embora poucos saibam, a árvore genealógica é um agravante. Por isso, quando houver algum caso na família, é preciso redobrar os cuidados.

Mães depressivas podem gerar crianças com a doença. Isso significa que seus filhos terão 8x mais chances de desenvolver esse problema na adolescência. Quando a taxa corresponde aos dois pais, esse índice sobe para 75%.

5- É importante não adiar o tratamento

Muitos relutam em admitir que sofrem com depressão. Sendo assim, não procuram ajuda e tentam superar o quadro sozinhos. Essa dificuldade é capaz de afetar a química cerebral e é muito mais difícil para uma pessoa passar por isso sem cuidados.

Quando mais cedo a doença for tratada, maiores são as chances de recuperação. Ao ser diagnosticada no início, ela pode ser superada com acompanhamento de um psicólogo. Porém, com o avanço do estado, será necessário utilizar medicamentos próprios.

Agora que você já conhece esses 5 fatos sobre a depressão que ninguém te contou, saiba também que é possível evitar essa dificuldade. Boas dicas são: praticar meditação ou exercícios físicos regulares.

Para complementar o tratamento e evitar o aparecimento da doença, você também pode utilizar um suplemento natural contra a depressão. Ele não é prejudicial para a saúde e também ajuda a ter mais disposição e bem-estar.

Sobre Redação

Somos um grupo de estudantes de medicina tentando trazer informações e saúde para nossos leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *